Fatores de Risco

O investimento nas ações ordinárias de emissão da BR Properties envolve exposição a determinados riscos. Antes de tomar qualquer decisão de investimento nas ações ordinárias de emissão da Companhia, os potenciais investidores devem analisar cuidadosamente todas as informações contidas no Formulário de Referência, incluindo os riscos mencionados abaixo, as demonstrações financeiras e respectivas notas explicativas. Os negócios, situação financeira, resultados operacionais, fluxo de caixa, liquidez e/ou negócios futuros da BR Properties podem ser afetados de maneira adversa por qualquer dos fatores de risco descritos a seguir. O preço de mercado das ações ordinárias de emissão da BR Properties pode diminuir em razão de qualquer desses e/ou de outros fatores de risco, hipóteses em que os potenciais investidores poderão perder parte substancial de seu investimento nas ações ordinárias de emissão da Companhia. Os riscos descritos abaixo são aqueles que a BR Properties conhece e que acredita que atualmente podem afetar a Companhia de maneira adversa, de modo que riscos adicionais não conhecidos atualmente ou que são considerados irrelevantes também podem afetar de forma adversa os negócios da BR Properties.

Para os fins desta seção, exceto se expressamente indicado de maneira diversa ou se o contexto assim o exigir, a menção ao fato de que um risco, incerteza ou problema poderá causar ou ter ou causará ou terá "efeito adverso" ou "efeito negativo" sobre a BR Properties, ou expressões similares, significa que tal risco, incerteza ou problema poderá ou poderia causar efeito adverso relevante nos negócios, situação financeira, resultados operacionais, fluxo de caixa, liquidez e/ou negócios futuros, bem como no preço das ações ordinárias de emissão da Companhia. Expressões similares incluídas nesta seção devem ser compreendidas nesse contexto.

Riscos Relativos ao Brasil

O Governo Federal exerceu e continua a exercer significativa influência na economia brasileira. Esse envolvimento, bem como a conjuntura política e econômica do Brasil, pode ter um efeito adverso para a BR Properties ou no preço de mercado de suas ações.

Esforços do governo para combater a inflação podem retardar o crescimento da economia brasileira e prejudicar os negócios da BR Properties.

Acontecimentos nas economias de outros mercados poderão afetar, negativamente, a economia brasileira e ter um efeito adverso para a BR Properties.

Riscos Relativos ao Setor Imobiliário

A BR Properties está exposta a riscos associados à incorporação imobiliária, construção, locação e venda de imóveis.

O setor imobiliário está sujeito a extensa regulamentação, o que poderá implicar maiores despesas ou obstrução do desenvolvimento de determinados empreendimentos, causando um efeito adverso para a BR Properties.

O lançamento de novos empreendimentos imobiliários comerciais próximos aos da BR Properties poderá dificultar a sua capacidade em renovar suas locações ou locar espaços para novos locatários, o que poderá requerer investimentos não programados, prejudicando os negócios da Companhia, sua condição financeira e seus resultados operacionais.

A elevada competitividade do setor imobiliário no Brasil poderá ocasionar uma redução do volume de operações da BR Properties.

Condições econômicas adversas nos locais onde estão localizados os empreendimentos da BR Properties podem afetar adversamente seus níveis de ocupação, locação e seu valor de mercado no caso de venda e, conseqüentemente, afetar adversamente os negócios da Companhia.

Riscos Relativos à BR Properties

A BR Properties pode não ser capaz de renovar os contratos de locação com seus clientes e a rescisão de contratos de locação ou a obrigatoriedade de sua renovação, nostermos da Lei de Locação, em termos não favoráveis pode afetar de forma adversa a Companhia.

A Companhia pode incorrer em custos não previstos e em atrasos para a conclusão de projetos.

O descasamento entre os índices de correção dos contratos de locação e das dívidas da BR Properties poderá ter um efeito adverso sobre a Companhia.

A BR Properties pode não conseguir executar integralmente sua estratégia de negócio, o que poderia ter um efeito adverso para a Companhia.

A perda de membros da alta administração da BR Properties ou sua incapacidade de atrair e manter pessoal pode ter um efeito adverso sobre a Companhia.

O crescimento futuro da BR Properties poderá exigir capital adicional, que poderá não estar disponível ou, caso disponível, poderá não ser obtido em condições satisfatórias.

Aquisições de imóveis comerciais podem expor a BR Properties a contingências inesperadas que poderão causar um efeito adverso relevante nos negócios da Companhia.

A BR Properties pode estar exposta a casos de resilição contratual por parte de seus locatários, bem como, casos de inadimplência.

Os contratos financeiros e outros instrumentos representativos das dívidas da BR Properties estabelecem obrigações específicas, sendo que qualquer inadimplemento em decorrência da inobservância dessas obrigações pode acarretar o vencimento antecipado dessas obrigações e ter um efeito adverso para a Companhia.

A BR Properties pretende aumentar seu portfólio de imóveis comerciais, o que poderá alterar a composição do seu portfólio de imóveis e as perspectivas de receitas e despesas em função de tal aumento.

Danos não cobertos por seguros contratados pela BR Properties poderão resultar em prejuízos para a Companhia, impactando de forma adversa seus negócios.

Os interesses dos Administradores da BR Properties e determinados Colaboradores podem ficar excessivamente vinculados à cotação das ações ordinárias de emissão da Companhia, uma vez que sua remuneração baseia-se também em Planos de Opções de Compra Ações.

A BR Properties é uma companhia holding e depende dos resultados de suas subsidiárias, que podem não ser distribuídos.

Modificações nas práticas contábeis adotadas no Brasil em função de sua convergência às práticas contábeis internacionais (IFRS) podem afetar adversamente os resultados da Companhia.